Portugal Squad
Ola bem vindo ao forum oficial do clan [PTSQ]Portugal-Squad
Regista-te e junta-te a nossa comunidade ou se ja es membro porfavor loga-te. Obrigado e diverte-te Wink
Últimos assuntos
» Brothers !n Game [B!G]
Seg Fev 21, 2011 4:39 pm por ANBU__Sharingan

» Recrutamento - Itz_Lucky-Strik3
Dom Fev 20, 2011 3:12 am por ZoaWar

» ZoaWar, The English Gentleman
Sab Fev 12, 2011 2:40 pm por Zortex

» !! Coming Soon !! Duke Nukem Forever
Sab Fev 12, 2011 1:25 pm por andregrave

» Parabéns Portugal Squad
Sex Fev 11, 2011 10:22 pm por Uchiha_ItachiPT

» Duke's Guitar - METALLICA
Sex Fev 11, 2011 11:14 am por xZheus

» Battlefield 3: Game Informer
Qui Fev 10, 2011 6:19 pm por andregrave

» Apresentção do Guneezy
Qui Fev 10, 2011 7:58 am por Guneezy

» ALIEN INVADERS
Qui Fev 10, 2011 7:55 am por 100Nome

» Recrutamento-zzirGuneezy
Qui Fev 10, 2011 7:41 am por Guneezy

» PS3 Firmware 3.56 Pachado pela sony [UPDATE]
Qui Fev 10, 2011 2:22 am por ZoaWar

» Re-Recrutamento
Ter Fev 08, 2011 11:31 am por xXwEsCXx

» Recrutamento-xXwEsCXx- REPROVADO
Ter Fev 08, 2011 11:21 am por 100Nome

» XL PARTY Parque das Naçoes
Ter Fev 08, 2011 11:06 am por xZheus

» Recrutamento - mixfabio12- REPROVADO
Seg Fev 07, 2011 2:36 pm por mixfabio12

Setembro 2018
SegTerQuaQuiSexSabDom
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Calendário Calendário


Battlefield 3: Game Informer

Ir em baixo

Battlefield 3: Game Informer

Mensagem por 100Nome em Qui Fev 10, 2011 8:20 am



A Game Informer tem sido a revista impulsionadora do projecto mais ambicioso da DICE. É através dela que têm sido revelados os primeiros detalhes, as primeiras imagens e impressões do Battlefield 3, que têm sido responsáveis pelo hype à volta deste shooter.

O MyGames teve acesso à revista e teve a oportunidade de ler o excelente artigo da autoria de Matt Bertz, onde ele escreveu as suas impressões e esteve à conversa com alguns membros da produtora sueca, que está encarregue de produzir Battlefield 3.

Por detrás de um grande projecto, de uma grande ambição, tem de estar uma grande produtora, que conte com alguma experiência na matéria e que tenha os seus objectivos bem delineados. É precisamente nesse esforço, nesse trabalho, que Matt Bertz foca o seu texto sobre a DICE e Battlefield 3.

Matt Bertz visitou os estúdios da DICE, em Estocolmo, e teve a oportunidade de conviver e apreciar o funcionamento da equipa sueca. O jornalista começa por explicar que a equipa se encontrava dividida em dois pisos do edifício, onde a produtora está localizada, sendo o local onde foram traçados os planos e o rumo para Battlefield 3.

A equipa acredita que a tecnologia por detrás do jogo se deve fundir, sem qualquer problema, com o jogador que está a pegar nela. O produtor executivo do Battlefield 3, Patcick Bach, confessa que para isso ser bem sucedido, o jogador tem de poder sentir o sol nos olhos e sentir que estão chover munições à sua volta, estando bastante confiante que a sua equipa consegue transmitir estas emoções.

Porém, a equipa teve este trabalho antes do jogo estar em desenvolvimento e na altura em que os planos foram feitos, não existia a tecnologia necessária para pô-los em prática, sendo o Frostbite o primeiro passo para que Battlefield 3 fosse uma realidade.


Introduzido no ano de 2008, em Battlefield: Bad Company, o motor de jogo veio introduzir alguns elementos como ambientes destrutíveis, animações bem conseguidas e iluminação dinâmica. O problema é que trabalhar neste motor era bastante desgastante e por consequência, quando acabou a produção do Battlefield: Bad Company, a equipa sabia que o motor não ia ao encontro das suas ambições para Battlefield 3.

Foi então que antes de terem começado a trabalhar no Battlefield: Bad Company 2, uma equipa de engenheiros foi recrutada, para rescreverem o motor de jogo por completo e introduzirem ferramentas que diminuíssem a carga de trabalho e, ao mesmo tempo, introduzir novas ferramentas como tecnologia de streaming, iluminação em tempo real, destruição em larga escala, som de alta fidelidade e um sistema de animação robusto. Com esta tecnologia ao alcance dos dedos, a DICE acreditou que finalmente poderiam começar a desenvolver um jogo de nova geração nos sistemas actuais de consolas.

“Vocês não terão de esperar pela Xbox 720 ou pela Playstation 4”, disse Patick Bach. “Nós temos de vos dar isto agora e queremos fazê-lo em todas as plataformas”, acrescentou o produtor executivo.

Destruição 3.0

Já não é novidade que Battlefield 3 será o primeiro jogo da série a utilizar a nova versão do motor de jogo, o Frostbite 2. É através deste motor de jogo que iremos assistir, pela primeira vez, a uma destruição em larga escala. Matt Bertz, através das demos a que assistiu, teve a possibilidade de vislumbrar um terramoto a trazer o caos às ruas da cidade e a fazer ruir um edifício de sete andares, envolvido numa mescla de pó e detritos bastante realista. Ele também explica que quando um RPG é disparado para um edifício, a força da explosão causa bastantes danos, estilhaçando os vidros das janelas em milhões de pedaços, como se tratasse da vida real. O director de arte, Gustav Tilleby, referiu que a DICE ainda só está a “brincar” com as capacidades do motor de jogo.

ANT

ANT é a tecnologia responsável pelas animações dos jogos da EA SPORTS e será a a tecnologia usada em Battlefield 3. Apesar de não ser criada para jogos militares, Max Bertz revela que a equipa desenvolveu os seus próprios plug-ins com o objectivo de puxar o realismo das animações ao limite e integrá-las com o Frostbite 2. Pela primeira vez, a equipa criou dois conjuntos de animações; um para as personagens controladas pela inteligência artificial e outro para o multijogador. Através da revista, ficámos a saber que as personagens controladas pela IA movem-se e agem com um propósito mais acentuado que nos jogos da concorrência e que os seus comportamentos podem ser facilmente controlados, através de um sistema de waypoints que lhes dá directrizes, dependendo da sua localização e acções a decorrer nas proximidades.

Contudo, não é só no modo single-player que o realismo estará presente e como referi anteriormente, os rapazes da DICE estão a criar dois conjuntos independentes de animações, sendo uma delas para os modos multijogador. Graças a este conjunto, será possível acabar com aquelas animações manhosas que existem nos vários jogos multi-jogador existentes no mercado. Os soldados irão responder bem aos nossos comandos mas ao mesmo tempo, irão movimentar-se de uma forma realista, virando as suas cabeças e armas primeiro que o corpo assim como as transições entre as saídas e entradas para cobertura ou entre o deitar no chão e correr. Tobias Dahl chega a dizer que: “subitamente trata-se do que queremos fazer e não sobre 'podemos fazer?'”.

A experiência sonora


É impossível negar a qualidade do som presente em Battlefield: Bad Company 2. No entanto, para Battlefield 3, a equipa encarregada pelo som, liderada por Stefan Strandberg, deslocou-se ao terreno, durante um exercício de treino dos militares suecos, para gravar os seus samples de guerra. Este exercício contou com a presença de tanques, infantaria, helicópteros e armas a serem disparadas de tudo quanto era lado. Stefan Strandberg confessou que foi um verdadeiro desafio conseguir capturar o som e que foi deveras intimidante sentir o poderio das armas de perto.


A Game Informer continua a sua jornada ao contar-nos que quando a equipa chegou ao estúdio e analisou os samples capturados, criaram a sua própria agenda e ao invés de darem uma experiência cinemática de áudio, a equipa de Stefan Strandberg decidiu tratar o áudio como se tratasse de uma banda sonora para um documentário, tornando o áudio mais limpo e um retrato mais fiel da guerra.

Poder ao jogadores de PC


Ao longo dos tempos temos vindo a ouvir cada vez mais queixas dos utilizadores de PC, no que toca a FPS. Longe vão os tempos em que os FPS dominavam apenas no PC e não haviam os problemas que existem hoje devido aos ports. Battlefield 3 será diferente nesse aspecto e será desenvolvido primariamente para PC, o que significa que as consolas irão contentar-se com ports.

As famosas batalhas de 64 jogadores, vistas em Battlefield 2, irão regressar neste projecto ambicioso da DICE. Patrick Bach quer que os jogadores que compras PCs e componente de alta performance o possam usar sem problemas no novo Battlefield 3. Porém, o único desgosto que os jogadores de PC irão receber, é o facto da DICE não disponibilizar as mod tools.


Fonte: Mygames
avatar
100Nome
Admin

Mensagens : 1258
Data de inscrição : 29/03/2010
Idade : 28
Localização : GUARDA

Ver perfil do usuário http://portugal-squad.forumeiro.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Battlefield 3: Game Informer

Mensagem por Zortex em Qui Fev 10, 2011 8:28 am

Adorei o 2, tava mt fixe,espero que o 3.0 seja melhor que o 2.0 este jogo de ver brutal msmo

_________________


Uploaded with ImageShack.us
avatar
Zortex
PTSQ

Mensagens : 362
Data de inscrição : 31/03/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Battlefield 3: Game Informer

Mensagem por xMagiczTac em Qui Fev 10, 2011 12:22 pm

Eu por ter comprado do medal of honor limited edition tenho o codigo para a beta

_________________
avatar
xMagiczTac
PRESS_PTSQ

Mensagens : 494
Data de inscrição : 31/03/2010
Localização : Vila Nova Famalicão

Ver perfil do usuário https://www.youtube.com/user/xxTACMxx

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Battlefield 3: Game Informer

Mensagem por andregrave em Qui Fev 10, 2011 6:19 pm

nice!!! oh tac és um amor Razz já sei o que quero no dia 14!!
avatar
andregrave
Admin

Mensagens : 984
Data de inscrição : 30/03/2010
Idade : 32
Localização : Porto/Portimão

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Battlefield 3: Game Informer

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum